quarta-feira, 10 de abril de 2013

Inibidor de Gordura e Inibidor de Carboidrato

Caseolamina

A caseolamina é extraída de uma planta chamada Cassia nomame. Atua como principal auxiliar no emagrecimento, pois é um inibidor natural da enzima lípase (responsável pela digestão e absorção das gorduras contidas nos alimentos). Além disso, apresenta flavonoides que ajudam a reduzir a pressão arterial, o ácido úrico e o colesterol sanguíneo. É geralmente encontrada em pó.

Em um estudo efetuado em 1997 e publicado na revista Phytochemistry, cientistas da universidade de Okahama no Japão perceberam que extratos da planya Cassia nomame mostraram um potente efeito inibitório da lipase. Um dos constituintes flavonóides foi o que mostrou ação inibitória mais poderosa, com aproximadamente 30%(cerca de um terço) das moléculas de gordura permanecendo não digeridas nos testes de laboratório. O produto possui um mínimo de 8% de catequinas. Os extratos do fruto da planta comportaram-se da mesma maneira do que muitas drogas populares prescritas nestes estudos. 

Faseolamina 

A faseolamina é uma substância extraída do feijão branco. Tem o poder de inibir as enzimas responsáveis pela digestão e absorção de carboidratos (amidos encontrados em pães, massas, batatas, arroz, etc.). Ambas não apresentam efeitos colaterais, mas se forem consumidas em doses consideradas altas, podem levar a diarreia.

Estudos clínicos constataram que o inibidor de alfa-amilase provocou a inativação de amilases, in vitro, e diminui a digestão de amido sólido de forma dor-dependente. A perfusão do inibidor no duodeno de humanos rapidamente inibiu de 94% a 99,9% da atividade intraluminal da amilase. Em outro estudo, 4 voluntários saudáveis receberam 50g de amido de arroz com placebo, e no segundo dia a mesma quantidade de amido com inibidor de amilase.  Comparado ao placebo, o inibidor reduziu significativamente atividade da amilase em mais de 95% por 1 a 2 horas. Verificou-se um aumento nos carboidratos totais pós-prandiais. Outro estudo também constatou que o inibidor da amilase reduziu a absorção do complexo de carboidratos de íleo terminal. Um estudo feito em ratos concluiu que o inibidor de amilase altera a quantidade e o padrão de absorção de alimentos e reduz o ganho de peso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...