segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Calmantes Naturais - Aprenda fazer o Chá

Devido ao stress do dia a dia, muitas pessoas tem dificuldade para ter uma boa noite de sono. Para evitar o uso de medicamentos ansiolíticos como o clonazepam, alprazolam, uma escolha ideal é tomar os chás naturais. Estas plantas tem propriedades calmantes e combate a ansiedade e insônia.

Veja as principais plantas que tem propriedades calmantes e aprenda fazer o chá. 

Passiflora incarnata

Passiflora incarnata: flavonóides, pectina, benzoflavona (em maior quantidade nas folhas), passiflorina (sedativo natural), calmofilase, maracugina;

Propriedades Medicinais:

- anódino
- antiinflamatória
- antiespasmódico
- diaforético
- hipnótico
- hipotenso
- nervino
- sedativo
- tranquilizante

Fonte : Maracujá.

O Maracujá age no sistema nervoso central, aquietando-o.


Ajuda a sanar o desarranjo dos neurotransmissores, o que o torna recomendável para a ressaca.

O Maracujá não possui substâncias viciantes.

Alivia dores de cabeça causadas devidos a tensão e deixa a pessoa mais tranquila.
Os alcalóides presentes no Maracujá podem contribuir para uma dilatação da artéria coronária.
Para inchaço nos olhos, queimaduras e irritações na pele, use compressas.
Para queimaduras e feridas pode ser usado também em forma de cataplasma ou suco.

O maracujá parece aumentar os níveis do ácido gama-aminobutírico (GABA), que, em geral, diminui a atividade das células nervosas no cérebro, proporcionando relaxamento.

Fazendo o Chá

Ferva uma xícara de água, junte: 1 colher de sobremesa de folhas de maracujá, 1 colher de sobremesa de melissa (ou erva cidreira) e deixe em infusão por alguns minutos. Tome uma xícara, três vezes por dia.

Valeriana (Valeriana officinalis)

É uma planta herbácea de sabor aromático, forte, característico e pouco amargo.

A atividade sedativa da valeriana deve-se a um componente chamado valeropotriato, que é extraído do óleo essencial. 

Essa substância age como:

- depressora do sistema nervoso
- atenua a irritabilidade nervosa
- melhora a coordenação e reduz a ansiedade, fazendo com que a valeriana seja usada oralmente como sedativo hipnótico para insônia, distúrbios do sono e ansiedade, para distúrbios de humor, tais como depressão e distúrbio de déficit de atenção e hiperatividade (DDAH)
-para diminuir cólicas menstruais e para ajudar a aliviar a dor muscular e nas articulações.

Diversos estudos comprovam a capacidade da valeriana de reduzir o tempo para adormecer e melhorar a qualidade do sono.

Como qualquer fitoterápico, a valeriana também possui algumas contra-indicações: não deve ser usada por pacientes hipertensos, crianças abaixo de 12 anos, gestantes e mulheres em fase de amamentação.

Partes utilizadas: raiz e rizomas.

Extratos disponíveis na farmácia: extrato seco (cápsulas), tintura-mãe e tintura oficinal (líquidos).

Crataegus oxyacantha

A planta faz parte da família das rosas e possui uma grande variedade de compostos químicos, inclusive polisacarídeos, aminas, fitosteróis e ácidos orgânicos, mas a maior atenção científica fica por conta dos flavonóides, como a quercetina, rutina e as proantocianidinas, que têm poderosa ação antioxidante.

Segundo relatórios técnicos, as proantocianidinas são neutralizadoras mais potentes da formação de radicais-livres do que as vitaminas C e E.

Os médicos indicam a planta no tratamento de:

- Doenças cardíacas sem gravidade, caracterizadas pela fadiga excessiva, intolerância aos exercícios físicos e palpitações ocasionais.
- Como tem um leve efeito sedativo, é valiosíssimo no controle do estresse.

Atividades sobre o SNC: Sedativo, diminuindo o tônus simpático, com melhoras em sintomas vasomotores, tonturas, emotividade.

Erva cidreira

Erva cidreira também chamado capim limão (falsa erva cidreira ou capim cidreira).

Modo de Usar :

Ferva uma xícara de água, junte 1 colher de sopa de folhas de cidreira picadas e deixe em infusão, tampado por 10 minutos. Coe e tome uma xícara desse chá três vezes ao dia.

Esse chá, além de calmante, tem poder analgésico e pode ser usado para curar dor de cabeça.

Camomila


Este chá, além de tranquilizar, acalma os sintomas estomacais que possam vir do estresse, como dor de estômago ou enjoos.

Fazendo o Chá:

- Ferva uma xícara de água, coloque o chá de camomila, pode ser ‘in natura’, com sementes, flores e folhas, ou até os comprados em caixas.
- Deixe em infusão por cinco minutos, coe, se for necessário, e beba.
- Pode ser bebido várias vezes ao dia.

Fonte: Remédio Caseiro, Homeopatiaecia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...