sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Melhor forma de tratar Diarreia Comum

Quando comemos algum alimento contaminado por agentes patógenos, geralmente nossa flora intestinal fica desequilibrada causando diarreia, vômito e desidratação.

Por ser uma doença muito comum, qualquer pessoa pode apresentar diarreia, portanto alguns comportamentos de risco podem levar ao surgimento da diarreia.

Provável causa de diarreia :

- Ingerir água e alimentos contaminados com fezes humanas ou animais
- Viajar para países que não tenham bom saneamento de água
- Consumo exacerbado de cafeína
- Consumo exacerbado de álcool
- Fumo

- Consumo de alimentos gordurosos

Tratamento para Diarreia Comum

O tratamento para diarreia é geralmente feito em casa, por meio da ingestão de líquidos, a fim de evitar desidratação.

Soro Reidratante

O Soro Reidratante é um medicamento cuja composição permite repor a água corporal e eletrólitos (sódio, potássio, cloreto, citrato) que são perdidos durante episódios de diarreia aguda, com ou sem vômitos, em crianças e adultos, corrigindo assim os desequilíbrios hidroeletrolítico e ácido-básico.

- Beba pelo menos um copo de soro toda vez que você tiver uma evacuação sem controle.

Após abertura do frasco, o produto deve ser mantido em local fresco, devendo ser utilizado dentro de 24 horas

Restaurador da Flora Intestinal

1- Saccharomyces boulardii


Os restauradores da Flora intestinal geralmente tem como principio ativo a Saccharomyces boulardii, um probiótico, ou seja, um microrganismo vivo que, quando administrado em quantidade adequada, traz benefício para a sua saúde.

Como função benéfica ao organismo, o componente tem efeito sobre o equilíbrio bacteriano intestinal e sobre o controle de diarreias. Geralmente é usado de 12 em 12 horas. Ex: Floratil, Repoflor.

2- Lactobacillus acidophilus


Outro probiótico que pode ser utilizado é o Lactobacillus acidophilus vivos, que fermentam os hidratos de carbono originando o ácido lático, que faz baixar o ph, acidificando o meio intestinal. 

Esse meio acidificado vai impedir ou dificultar o desenvolvimento de flora patogênica, que pode se desenvolver em meio pouco ácido ou fracamente alcalino.

O tratamento das síndromes disenteriformes com Lactobacillus acidophilus não é diretamente dirigido contra o agente etiológico, o que se procura é modificar o meio intestinal, com manutenção da flora intestinal normal. Ex. Leiba.

3- Lactobacillus casei Shirota


O probiótico Lactobacillus casei Shirota também pode ser utilizado como auxiliar no tratamento, estes Lactobacilos resistem como nenhum outro à acidez do estômago e chegam vivos em maior quantidade ao intestino, para auxiliar na regularização das funções intestinais e na proteção do sistema digestório. Ex. Yakult

Alimentação adequada


- Coma alimentos salgados, como bolachas, sopa e bebidas energéticas.


- Evite alimentos gordurosos.

- Prefira alimentos ricos em potássio, como banana, batata sem pele e suco de fruta diluído.

  
- Prefira frutas como as maçãs, pêssegos e pera, estas frutas tem propriedades adstringentes que ajudarão o organismo desenvolver o trânsito intestinal normal, evitando a diarreia.

- Evite alimentar com mamão e abacaxi, estas frutas contem enzimas (bromelina e papaína) que aumentam o trânsito intestinal.

- O suco de Limão e Caju é ótimo para conter a diarreia, o ideal é tomar sem açúcar. 

Água de Coco

Quando estamos com diarreia, perdemos muito liquido, o nosso corpo fica desidratado. Uma forma de hidratar é tomando água de coco durante o dia.

A água de coco é considerada um isotônico natural, pois é muito rica em minerais e possibilita uma absorção rápida no corpo, principalmente de sódio e potássio, que são fundamentais para o funcionamento celular, ajudando o organismo a repor as perdas dos nutrientes.


Precauções

Se você estiver utilizando este tratamento, e não estiver sentido melhora, procure o médico, pois poder ser necessário tratamento com antibióticos.

Evite o uso de Imosec, pois se for diarreia de origem infecciosa, a infecção poderá ficar retida e agravar mais ainda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...