quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Paralac - Enzima lactase em comprimido


A intolerância a lactose é um problema que atinge grande parte da população. A falta de lactase dificulta as pessoas digerir produtos lácteos (leite e seus derivados). Esta impossibilidade de digestão geralmente ocorre quando o organismo não produzem a enzima lactase ou produzem-na em quantidade insuficiente para realizar a digestão da lactose.

Uma novidade para intolerantes a lactose é o lançamento pelo Laboratório Momenta - Eurofarma, o Paralac que já está sendo vendido nas drogarias com o preço entre 90 a 110 reais. 


O Paralac é uma enzima lactase em comprimido para ser utilizada quando da ingestão de alimentos lácteos promovendo a quebra da lactose em indivíduos com intolerância a lactose.

A lactase é uma enzima presente em nosso organismo e responsável pela quebra da lactose em dois açúcares simples: glicose e galactose, para que possam ser absorvidos. Portanto, é essencial para a digestão do leite e seus derivados.

A deficiência primária de lactase (conhecida como não-persistência de lactase ou hipolactasia primária) é uma condição que afeta 60 a 70% da população mundial, variando conforme a etnia.

Muitos indivíduos com deficiência primária de lactase desenvolverão intolerância à lactose, que é uma síndrome clínica caracterizada por desconforto gástrico como náuseas, inchaço, borborígmo, dor abdominal e diarreia após consumo de alimentos que contém lactose (leite e derivados).


Sintomas de intolerantes a lactose

• Dor abdominal (cólica localizada na região periumbilical ou quadrante inferior)
• Flatulência
• Diarreia
• Vômitos
• Fezes volumosas, espumosas e aquosas
• Sensação de inchaço no abdômen

Estudos indicam que o consumo da lactase exógena promove a adequada hidrólise da lactose, com redução do desconforto gastrointestinal, possibilitando o consumo de laticínios em indivíduos intolerantes ou com restrições ao consumo de lactose

Modo de Uso:


Consumir 1 comprimido de Paralac antes da ingestão de produtos de origem láctea ou consumir conforme orientação do Médico ou Nutricionista.

É importante ressaltar que a intolerância à lactose não significa que uma pessoa não deva saborear o leite e seus derivados. A maioria das pessoas pode consumir produtos lácteos fermentados, que contêm uma pequena quantidade de lactose, como o iogurte, por exemplo, sem nenhum problema.

Há evidências de que a flora intestinal possa aprender a digerir a lactose mesmo entre pessoas que não toleram a lactose, de forma que os sintomas sejam reduzidos e desapareçam completamente em alguns casos. As formas de se fazer isso são evitar beber leite com estômago vazio e distribuir o consumo do leite no decorrer do dia, aumentando a ingestão gradualmente.


Fonte : Paralac

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...