quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Como identificar um AVC


O Acidente vascular cerebral (AVC), popularmente conhecido como derrame, tem se tornado uma doença cada vez mais comum.

As principais característica do AVC é a obstrução (AVC isquêmico) ou ruptura (AVC hemorrágico) das artérias que irrigam o cérebro ocasionado por aneurisma (dilatação anormal de um vaso sanguíneo).


Fatores de Risco para AVC


- Idade (pessoas com mais de 50 anos correm maior risco);
- Hipertensão;
- Insuficiência cardíaca;
- Diabetes;
- Tabagismo;
- Colesterol alto;
- Uso excessivo de bebidas alcoólicas.


Principais Sintomas do AVC


- Dor de cabeça constante;
- Tontura ou náusea;
- Perda de força em metade do corpo;
- Fala arrastada;
- Face torta;
- Dor de cabeça súbita e muito intensa.

Esses quadros podem ser sinais de alerta do corpo para um possível AVC e quanto mais rápido for o diagnóstico e início do tratamento de um derrame, menores as chances de complicações, risco de morte e desenvolvimento das sequelas.


Como Identificar caso de AVC


- Pedir para que a pessoa sorria com força (observar simetria e possíveis desvios da face);

- Pedir para levantar os braços e pedir para responder frases simples para comandos de baixa complexidade.

Caso se confirme a suspeita clínica de AVC, o paciente dever ser imediatamente submetido a uma Tomografia Computadorizada (TC) ou Ressonância Magnética (RM), que mostrarão se o AVC foi isquêmico ou hemorrágico. Esses exames são fundamentais para o diagnóstico do AVC na fase aguda e determinação prognóstico e tratamento mais adequado.


Com informações de Veja

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...