sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Uso de Dipirona pode Diminuir a Imunidade - Distúrbios Imunológico


A dipirona sódica é um analgésico e antitérmico muito eficaz, sendo que seus efeitos analgésico e antitérmico podem ser esperados em 30 a 60 minutos após a administração e com duração de 4 horas.

Na década de 70, quando foi descoberto que havia risco da dipirona causar agranulocitose, uma doença muito perigosa e potencialmente fatal, alguns países como Estados Unidos, Japão, Austrália, e grande parte dos que integram o continente europeu retiram do mercado este medicamento.

Agranulocitose

A agranulocitopenia, a agranulocitose é uma doença aguda do sangue, caracterizada pela ausência de leucócitos granulosos. Estas células são as principais barreiras de defesa contra as infecções, sendo assim, aumenta o risco do paciente contrai-las.

Agranulocitose é a diminuição do número de granulócitos, que são tipos de glóbulos brancos, em consequência de um distúrbio na medula óssea e pode ser induzida pela dipirona devido ocorrência de imunoalergia, que pode durar pelo menos 1 semana. Essas reações são raras, mas podem ser graves, com risco à vida e podem, em alguns casos, ser fatais.

Se ocorrer febre, calafrios, dor de garganta e lesão, deve ser interrompido o uso de dipirona.

Pancitopenia

Em pacientes sensíveis a dipirona pode ocorrer a pancitopenia, que é a diminuição global das células do sangue (glóbulos brancos, vermelhos e plaquetas).

Distúrbios do sistema imunológico

A dipirona pode causar choque anafilático, estas reações podem se tornar graves com risco à vida. Reações deste tipo podem ocorrer mesmo após a dipirona ter sido utilizada previamente em muitas ocasiões sem complicações. Estas reações medicamentosas podem desenvolver-se imediatamente após a administração de dipirona ou horas mais tarde; contudo, a tendência normal é que estes eventos ocorram na primeira hora após a administração.

Principais sintomas de reações anafiláticas/anafilactoides leves:

- Sintomas cutâneos ou nas mucosas tais como: coceira, ardor, vermelhidão, urticária, inchaço, falta de ar. 


- Inchaço em região subcutânea ou em mucosas, geralmente de origem alérgica até mesmo envolvendo a laringe.
- Broncoespasmo grave.
- Arritmias cardíacas.

- Queda da pressão sanguínea.

- Choque circulatório.

- Em casos isolados pode ocorrer síndrome de Stevens-Johnson (forma grave de reação alérgica caracterizada por bolhas em mucosas e grandes áreas do corpo) ou síndrome de Lyell (doença bolhosa grave que causa morte da camada superficial da pele e mucosas, deixando um aspecto de queimaduras de grande extensão).

Distúrbios do sangue e sistema linfático

O uso de Dipirona pode causar anemia aplástica (doença onde a medula óssea produz em quantidade insuficiente os glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas), leucopenia (redução dos glóbulos brancos) e trombocitopenia (diminuição no número de plaquetas).

Os sinais típicos de trombocitopenia incluem uma maior tendência para sangramento e aparecimento de pontos vermelhos na pele e membranas mucosas.

Distúrbios renais e urinários

Em casos muito raros, em portadores de doença nos rins, pode ocorrer piora súbita ou recente da função dos rins, em alguns casos com diminuição da produção de urina e perda aumentada de proteínas através da urina.

Leia Também: - Anti-inflamatórios que podem causar problemas cardíacos

                        - Nimesulida pode prejudicar o Fígado e os Rins com Uso Frequente



Fonte : Bula da Novalgina

3 comentários:

  1. MAS SE O DIPIRONA FAZ TANTO AML A POPULAÇÃO ONDE ESTA O GOVERNO QUE AINDA NÃO O RETIROU DO MERCADO? POR Deus!!alguém tem que fazer algo

    ResponderExcluir
  2. MAS SE O DIPIRONA FAZ TANTO AML A POPULAÇÃO ONDE ESTA O GOVERNO QUE AINDA NÃO O RETIROU DO MERCADO? POR Deus!!alguém tem que fazer algo

    ResponderExcluir
  3. Em alguns países já está proibido o comércio. No Brasil a venda e livre. Temos que ter cuidado com uso excessivo deste medicamento. Já que não e tão inofensivo assim.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...