sexta-feira, 10 de maio de 2013

Ritmo do Cérebro

Todo mundo sabe que o nosso pique para fazer as coisas varia dependendo do horário, mas não é apenas seu nível de energia que oscila ao longo de um dia. O cérebro também obedece um ritmo próprio e se baseia em fatores genéticos, exposição à luz, sono e relógio biológico para dar mais energia ao corpo. Você pode ter melhores rendimentos no trabalho, relacionamentos e atividades físicas ao aprender mais sobre o ritmo do seu cérebro.

7h às 9h da manhã - Demonstrar afeto

O momento perfeito para se conectar com seu parceiro é no período da manhã, pois é quando os níveis de oxitocina, conhecido como "hormônio do amor", está em grandes quantidades no cérebro. Portanto esse horário costuma ser bom para fazer demonstrações carinhosas aos parceiros e familiares.

9h às 11h - Momento criativo

Durante esse horário o cérebro já tem níveis moderados de cortisol, hormônio do estresse, que em grandes quantidades ajuda a manter o foco. Durante esse período faça tarefas que exijam análise e concentração, como desenvolver novas ideias, escrever uma apresentação ou criar solução para algum problema. De acordo com estudo da Universidade de Michigan, tanto estudantes quanto adultos aposentados têm raciocínio mais rápido na parte da manhã. Entretanto, os mais velhos apresentam uma queda de rapidez na parte da tarde. 

11h à 14h - Tarefas difíceis

Nessa hora os níveis de melatonina, hormônio do sono, já se dissiparam do cérebro e, portanto, as tarefas e projetos mais complicados podem ser desenvolvidos. De acordo com pesquisadores alemães, é no meio do dia que as tarefas mais complicadas conseguem ser resolvidas, portanto deixe para esse período tarefas importantes como uma apresentação para um cliente ou chefe. A dica, entretanto, é completar uma tarefa de cada vez. Tentar conciliar vários afazeres ao mesmo tempo coloca exigências adicionais ao cérebro e isso faz com que a concentração diminuía, o que pode resultar em alguns deslizes.

14h à 15h - Hora de fazer uma pausa

Para digerir o almoço, o corpo desloca parte do sangue do cérebro para o estômago. De acordo com estudo feito em Harvard, até o ritmo circadiano do corpo, que consiste no "relógio biológico" responsável por regular o sono, está baixo. Durante esse período mantenha-se longe do trabalho. O ideal é folhear uma revista ou meditar, mas se você não tiver como ficar uma hora afastado do trabalho, dê uma volta no quarteirão ou levante-se para pegar um café ou água. Movimentar-se ajuda o sangue a sair do estômago e começar a ir para a cabeça.

15h às 18h - Horário em que se está mais sociável

Durante esse período o cérebro já está fatigado, mas esse cansaço não está relacionado ao estresse. De acordo com cientistas da Universidade de Michigan os níveis de cortisol, hormônio do estresse, diminuem nas mulheres na parte da tarde. Ainda que seu cérebro não esteja mais tão rápido quanto antes, você está mais extrovertido podendo planejar uma reunião mais informal.

Se você já tiver saído do trabalho pegue uma atividade que seja muito diferente do seu trabalho, como algum exercício físico. Estudos mostram que as habilidades físicas são mais fortes à noite, mas como a adrenalina pode interferir no sono é bom praticar exercícios nesse horário para depois jantar e ter tempo para baixar os níveis de adrenalina até a hora de dormir 

18h às 20h - Tarefas pessoais

Nesse período pesquisadores descobriram que o cérebro entra em uma espécie de "manutenção", pois mesmo acordado ele começa a produzir melatonina. A dica é usar o final do dia para passear com o cachorro ou andar a pé mesmo. Como durante esse horário você ainda está alerta, use a energia mental que ainda resta com o parceiro, amigos e familiares.

20h às 22h - Hora de relaxar

Existe uma transição entre estar acordado e começar a ter sono, portanto durante esse período faça atividades relaxantes ou que não precisem exercitar muito o raciocínio, como assistir a uma comédia. Como o dia já está escuro, a serotonina, que é estimulada pela luz, passa a diminuir no cérebro, enquanto a melatonina, que regula o sono, aumenta para começar a preparar o corpo para dormir.

A partir das 22h - Hora de dormir

O cérebro precisa organizar tudo o que foi aprendido durante o dia e isso só ocorre durante o sono. A prioridade é ter uma noite completa de sono e descanso. Ajustar a iluminação do ambiente pode ajudar a mostrar ao corpo que está chegando a hora de dormir. Assegure-se de dormir de sete a nove horas para ter uma boa saúde e energia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...