domingo, 10 de maio de 2015

Benefícios do Queijo - Aumenta a Longevidade - Bom Para o Coração





De acordo com estudo produzido pela Universidade de Aarhus, na Dinamarca, comer queijo produz vários benefícios para saúde.

- Torna o metabolismo mais rápido.

- Reduz o risco de desenvolver obesidade.

- Isto acontece com todos os produtos laticínios fermentados, cujas propriedades contribuem para melhorar as condições de saúde e potenciar a longevidade.

Na França, onde a incidência de doenças coronárias é muito baixa, cada habitante come em média 23,9 kg de queijo por ano e vive até aos 82 anos. Já no Reino Unido, onde o consumo de queijo é menos de metade (11,6 kg por ano), existem muitos mais casos de doenças de coração e a esperança média de vida baixa para os 81 anos.

De acordo com o estudo publicado no Journal of Agricultural and Food Chemistry foram analisados os dejetos de quinze homens. Alguns incluíram queijo e leite na dieta, enquanto outros consumiram manteiga em vez de produtos laticínios. Em todas as amostras dos homens que comeram queijo foi detetada a presença de ácido butanoico, responsável pela diminuição da obesidade e do colesterol e pelo aumento do metabolismo.

A amostra estudada é demasiado pequena para tirar conclusões definitivas, mas vai de acordo a uma investigação de 2012 onde se assumia que o queijo Roquefort tinha propriedades anti-inflamatórias que contribuíam para o “Paradoxo Francês”.

O queijo Roquefort é uma variedade francesa, produzida com leite de ovelhas.

Esta variedade de queijo possui massa de consistência cremosa e esfarelada, casca úmida e sabor acentuado e picante.

Na fabricação do queijo Rockefort, assim como na fabricação das variedades Gorgonzola e Camembert, são injetados fungos do tipo Penicillium na massa, que passa em seguida por um processo de maturação de três meses, no mínimo. Os fungos são os responsáveis por desenvolver no Roquefort as manchas verde-azuladas de aparência característica. Os fungos são também responsáveis pelo sabor inigualável do Rockefort. Ao contrário do que muitos possam pensar, de acordo com um estudo publicado no site da U.S. Environmental Protection Agency(Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos), o uso do fungo Penicillium Roqueforti na fabricação do Queijo Roquefort é seguro e historicamente nunca apresentou efeitos relevantes nocivos à saúde.

O leite cru da ovelha, utilizado para a fabricação deste queijo, é o grande responsável por sua cremosidade. Após o fabrico da massa, o queijo passa por um processo denominado “piquage”, que consiste em precisar o armazenamento da massa, controlar a temperatura e perfurar o queijo para enfim adicionar o fungo. Após isso, dentro de alguns meses o Roquefort está pronto para consumo.

Alguns dos Benefícios do Queijo incluem:

- Ajuda na manutenção da saúde óssea.

- O Queijo contem muitos nutrientes, incluindo as vitaminas, tais como vitamina C, B-6, B-12, A, D, E e vitamina K. Outras vitaminas, tais como a tiamina, riboflavina, niacina, também são encontrados em diferentes tipos de queijo.

- Ingestão de queijo também proporciona determinados minerais essenciais tais como cálcio, sódio, zinco, fósforo, potássio e ferro para o organismo humano.

- O queijo tem um teor muito elevado de cálcio, é a primeira e mais importante coisa que você precisa para dentes fortes. Além disso, é muito baixo o teor de lactose. Quanto mais velho o queijo, menor o teor de lactose. Isto também é benéfico para os dentes, como qualquer forma de açúcar (glucose, maltose ou lactose) em alimentos podem prejudicar os dentes.

- Além de ter um teor muito elevado de cálcio, o queijo também é rico em vitamina B, que é muito bom para as crianças, as mulheres (especialmente quando grávidas ou lactantes) e pessoas idosas, para a formação e fortalecimento dos ossos e cartilagens. A vitamina B encontrada no queijo ajuda na absorção e distribuição de cálcio adequada.

- A osteoporose é principalmente uma doença de deficiência, que é causada por uma deficiência de cálcio, resultando numa diminuição da densidade mineral óssea. Isto é bastante freqüente em mulheres que se submeteram a menopausa, idosos e crianças que sofrem de desnutrição. Esta pode ser tratada com a proteína. O cálcio sozinho não vai ajudar muito, porque o problema é com a sua absorção e sua utilização para a formação óssea. Estes três componentes são encontrados em abundância no queijo. Portanto, o queijo pode ser uma parte ideal da dieta de quem sofre de osteoporose.

- O queijo é rico em de proteínas, gorduras, cálcio, vitaminas e minerais. Você precisa de proteínas para a formação e o crescimento do músculo, gorduras para processos baseados em gordura no corpo, e cálcio para os ossos e para a melhoria da função metabólica.

- Queijo contém ácido linoléico conjugado e sphingolipids que ajudam a prevenir o câncer.

- Contém uma grande quantidade de vitamina B, que se desenvolve na mesma durante o processo de fermentação. Vitamina B é muito bom para manter muitas funções no organismo e também para a proteção contra doenças como beribéri. Ele também aumenta a formação do sangue, fortalece o fígado, e facilita a absorção de nutrientes no corpo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...