quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Quais os Riscos que os Anticoncepcionais de 3ª Geração pode Causar


A pílula anticoncepcional é o método contraceptivo mais utilizado no mundo, geralmente possui 1 ou 2 hormônios que são semelhantes àqueles produzidos pelos ovários, fazendo com que a ovulação não ocorra.

De acordo com estudos os contraceptivos hormonais combinados tem risco a saúde muito pequeno e não existem novas evidências científicas que mudariam a avaliação positiva de benefício-risco" desses medicamentos.

Porém em todo o mundo o uso de alguns tipos de anticoncepcional ocasionalmente tem causado trombose venosa, sendo que alguns países europeus já proibiu as pilulas que continham em sua formulação o Acetato de ciproterona (diane 35).

A trombose é uma espécie de engarrafamento no sistema circulatório, causado por coágulos que podem se desprender e parar em órgãos como pulmões e cérebro.

Hormônios presentes nos anticoncepcionais orais podem alterar a circulação de diferentes formas, aumentando a viscosidade do sangue, a dilatação dos vasos e, por consequência, a coagulação.

No ano passado, estudo publicado na revista especializada BMJ Today apontou que mulheres que tomam pílulas anticoncepcionais da chamada terceira geração, mais recentes (com drospirenona, desogestrel, gestodeno e ciproterona), têm risco de trombose venosa quatro vezes maior do que mulheres que não tomam pílula.

Em relação às pílulas da chamada segunda geração (com levonorgestrel, noretisterona ou norgestimata), o risco das pilulas mais modernas é quase duplicado (1,5 a 1,8 vezes superior).

Cerca de 9% das mulheres em idade reprodutiva no mundo usam contraceptivos orais, segundo esse estudo - índice que chega a 18% em países desenvolvidos. Embora a trombose seja comprovada como efeito colateral, médicos destacam que o índice absoluto de casos é baixo e que esses medicamentos são seguros.

Recomendações para Uso de Anticoncepcionais de 3ª Geração


- Fazer exames genéticos que podem indicar predisposição para trombose.

- Os pacientes devem estar alerta para os riscos, sendo que Cigarro e estrógeno não combinam.

Risco x Benefício

Os benefícios dos contraceptivos hormonais combinados na prevenção da gravidez não planejada continuam a superar os riscos e a possibilidade de tromboembolismo venoso (TEV), associada ao uso de contraceptivos hormonais combinados é pequena. Os hormônios presentes no contraceptivo oral agem de forma positiva no organismo feminino, no entanto, é essencial que seja observado o perfil de cada paciente.

Fonte: BBC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...