quinta-feira, 20 de junho de 2013

Sedentarismo - Fator de risco para doenças crônicas

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a inatividade física é o quarto maior fator de risco para doenças crônicas, ficando atrás somente da hipertensão, do tabagismo e do colesterol alto. A pesquisa publicada na revista The Lancet mostrou que o sedentarismo causa :

  •  6% dos casos de doença cardíaca coronariana, 
  • 7% de diabetes tipo 2 
  • 10% dos casos de cânceres de mama e cólon.

O sedentarismo pode ser tão letal quanto o tabagismo. Segundo um estudo publicado nesta quarta-feira na revista médica The Lancet, a falta de atividade física foi responsável por 5,3 milhões das 57 milhões de mortes registradas no mundo em 2008. O cigarro, por sua vez, leva cerca de cinco milhões de indivíduos a óbito todos os anos, apontam os pesquisadores.

A pesquisa considerou inatividade física como a prática de:

  •  menos do que 150 minutos de atividade física moderada (caminhada rápida, por exemplo) 
  •  menos do que 60 minutos de exercícios intensos (como corrida) por semana. 
Segundo os dados, esse quadro atinge :
  •  um terço da população mundial adulta (maior do que 15 anos), 
  • quatro em cinco jovens de 13 a 15 anos não atingem os níveis mínimos de atividade física. 
  • O sedentarismo se torna mais comum conforme as pessoas ficam mais velhas e atinge mais mulheres do que homens e pessoas de países risco.

Esse estudo foi desenvolvido por uma equipe de pesquisadores das universidades de Harvard e da Carolina do Sul, ambas nos Estados Unidos, do Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC, sigla em inglês), órgão de saúde americano, e do Instituto Nacional para Saúde e Bem-Estar da Finlândia. Para os autores, um dos grandes responsáveis pela inatividade física no mundo são os meios de transportes motorizados, que acabam aumentando o número de horas em que um indivíduo permanece sentado durante o dia.

É importante as autoridades dos países promoverem:

  •  Atividade física entre a população.
  • Ampliarem o acesso das pessoas a espaços públicos onde elas possam exercitar-se .
  • Garantirem a segurança de pedestres e ciclistas. 
Segundo estimativas dos pesquisadores, aumentar os níveis de atividade física entre a população mundial em 10% poderia evitar mais de 500.000 mortes em todo o mundo ao ano.


Fonte :Veja 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...